segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Roteiro de 3 dias Normandia - 2º dia Honfleur, Trouville e Deauville

Honfleur

Continuando o roteiro de 3 dias pela Normandia, vamos recapitular:

1º Dia: Étretat , parada rápida em Le Havre e dormir em Honfleur. (Post aqui)
2º Dia: Explorar Honfleur e visitar Trouville e Deauville.
3º Dia: Praias do Desembarque (Dia D).

Honfleur

Acabei o último post com nossa chegada à Honfleur, onde ficamos hospedados no Hotel Ibis Honfleur. Sei que muitos torcem o nariz para os hotéis desta rede, mas mostro neste post a explicação e diversos motivos que fazem optar por ela em viagens pela Europa.

A localização do hotel é ótima, apenas 10 minutos a pé até o centro da cidade. Vale a pena ir a pé porque é complicado encontrar onde parar o carro.

Precisávamos ficar atentos ao relógio pois em Honfleur os restaurantes fecham super cedo. Além disso, era verão (fomos em julho) e o sol estava se pondo por volta das 22h, o que nos dá uma impressão errada do horário real. 

Por conta disso, fizemos o check-in rapidinho, deixamos as coisas no quarto e saímos para comer. Ao lado do hotel tinha uma creperia que foi muito bem indicada pela recepcionista, então resolvemos conferir.

Crêperie Les Pieds dans l'Herbe

E realmente era uma delicia! O ambiente era super charmoso e haviam várias famílias locais jantando.

Honfleur

No dia seguinte, acordamos cedo para aproveitar e passamos a manhã toda descobrindo Honfleur. Que cidade encantadora!

Rua no centro de Honfleur

Cada viela que entravamos era uma surpresa e as faixadas das casas têm características bem marcantes.

Église Sainte-Catherine e feira de rua

Era um sábado e havia uma feira enorme tomando diversas ruas da cidade. Vendia-se de tudo, desde frutas e legumes até obras de artes e antiguidades. Tive a impressão de que a feira começava na Église e continuava pelas ruas menores. Um pouco depois das 10 horas já havia bastante gente na rua principal, então aproveite para explorar enquanto está mais vazia!

Honfleur

Como a cidade é bem pequena, por volta da hora do almoço já havíamos conseguido ver praticamente tudo. Decidimos então seguir para almoçar em Trouville e depois conhecer Deauville - mais para frente nesse post conto como foi a passagem por essas duas cidades.

Retornamos a noite para Honfleur e jantamos em um restaurante na Quai Sainte-Catharine que infelizmente esquecemos de anotar o nome.

Quai Sainte-Catherine

Nessa parte da cidade você encontra diversos restaurantes com preços variados, mas a maioria com preços acessíveis. Escolhemos uma mesa com a vista para os barquinhos e pedimos a formule de moules frites com uma taça de vinho por 11,50 euros.

Moules frites e taça de vinho

Confesso que as moules de Étretat estavam mais gostosas, mas essas estavam boas também. O lugar, paisagem e clima ajudaram.

Para fechar Honfleur com chave de ouro, não podíamos deixar de tomar uma cidra local, produto típico da região da Normandia. Entre várias opções, acho que acertamos em cheio no lugar: La Cidrerie.

La Cidrerie 

Fomos recebidos muito bem e o ambiente é uma graça. Tomamos a cidra (ele brut, eu doux) e eu comi um crepe de sobremesa. Muito bom, mega aprovado!


Trouville

De Honfleur até Trouville foram uns 25 minutos de carro. Super rápido! 

Trouville

Chegamos na cidade por volta das 13h, mas antes de almoçar paramos para pegar um mapa no  'Office de Tourisme', o que foi ótimo! (Já conto o motivo mais adiante no post)

Em Trouville há uma rua cheia de restaurantes especializados em frutos do mar. Os pescados ficam a mostra para que o cliente escolha exatamente o que quer comer e então são preparados na hora. 

Robert et Denis

Escolhemos o Robert e Denis. Sem sombra de dúvida foi um dos melhores pratos de frutos do mar que já comi! Estava delicioso! 

Prato no restaurante Robert et Denis

Saímos satisfeitos e com vontade de voltar em breve só para comer lá de novo.

Voltando ao mapa da cidade que mencionei anteriormente: ele traz uma sugestão de roteiro, indicando o início no próprio Office de Tourisme, seguindo até o cassino da cidade, caminhando um trecho pela orla da praia e retornando por dentro dos bairros. Seguimos essa sugestão e fizemos o trajeto em mais ou menos 1 hora.

Plage Trouville
Casas em Trouville

E assim nos despedimos de Trouville! Adoramos!


Deauville


De Trouville até Deauville pode-se ir a pé tranquilamente, são cerca de 20 min. Como paramos o carro em um estacionamento pago com limite de 2 horas para permanência, não valia a pena. Fomos de carro e levou 7 min.


Plage Deauville

Deauville é conhecida pelos guarda-sóis coloridos da foto acima e eles estão presentes em quase todos os souvenirs da cidade.

Plage Deauville

Passeamos pela orla da praia, mas poucas pessoas faziam o mesmo. Notamos essas "cabines" de frente para a praia, cada uma levando o nome de um artista famoso.

Ao que tudo indica, essas cabines são utilizadas pelos próprios moradores da cidade para guardar seus utensílios de praia e também servem como vestiário. Algumas estavam disponíveis para alugar e você também podia tomar uma ducha.

Plage Deauville

O momento praia merecia um sorvete, mesmo com o dia nublado!

Depois de passear pela praia fomos conhecer o centro.

Deauville

O centro estava bastante movimentado, com diversas opções de restaurantes e lojas. A maioria das lojas são mais chiques e os preços mais altos em comparação à Trouville.

Marie de Deauville

Deauville também tem seu charme!

Já era final da tarde e, como contei anteriormente, voltamos para Honfleur para jantar e passar a noite.

Acaba aqui o segundo dia do roteiro. Não perca o último dia pois ainda tem muita coisa boa!

Espero que tenham gostado. Caso tenham alguma dúvida, dica ou crítica, deixe seu comentário!

Bisou :) 


(Look | Regata e pulseiras: H&M • Calça: Primark • Moletom: Adidas • Bolsa: Kipling • Óculos: Ray Ban • Relógio: Casio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário